Home Massagistas  |   Pousadas e Hotéis  |  Imóveis para Temporada  |  Bahia Online  |  Imóveis à Venda  

 

São Sebastião é um paraíso natural que se concentra numa estreita e longa faixa de terra, e tem quilômetros de praias, belíssimas praias, com águas limpas e mornas.

Situa-se entre a Serra do Mar e o Canal, que liga ao município de Ilhabela, e tem uma paisagem de tirar o fôlego, o verde das matas com o azul do mar, na maior harmonia e tem sua paisagem delineada com muitos contornos.
As montanhas são cobertas por ricas matas, porém, à beira mar encontram-se alguns montes e vales.

Próximo ao município, sendo pertencente à ele, encontramos quase um círculo de ilhas formando junto com Ilhabela, um quebra-mar natural, proporcionando a calmaria das águas e dos ventos, assim propiciando a prática dos esporte no mar, como windsurf, vela, etc.

Nas praias agitadas e badaladas, você pode ter certeza...a diversão é garantida! Afinal Maresias, Camburi e Barra do Una estão por aqui. Nas praias selvagens e na Mata Atlântica o ecoturismo é garantido!
Junte tudo isto com lojas charmosas, gastronomia requintada ou típica caiçara, variadas opções em hospedagem e o belíssimo e rico artesanato caiçara/indígena.

Estas são boas razões para você visitar nossas páginas e conhecer melhor São Sebastião. Aproveite, é lindo!!!

 

 

 

LIMITES: ao Norte está Caraguatatuba e ao sul Bertioga.

ÁREA: O município de São Sebastião concentra-se numa estreita faixa de terra. Com uma superfície de 4.019 Km de extensão, destes, 100 Km lineares são de praias, e são belas as praias. Situa-se entre a Serra do Mar e o Canal, que liga ao município de Ilhabela, com profundidade média entre 30 e 35 m.

 

RELEVO: São Sebastião faz parte de uma paisagem bem delineada com muitos contornos, seu relevo é formado tanto de planalto como de planície litorânea. O planalto é bastante dissecado por rios formadores de bacia: Rio Pardo, Rio Pirassununga, Rio Claro, etc. Território montanhoso, coberto por ricas matas, porém à beira mar encontram-se alguns montes e vales

VEGETAÇÃO: Típica de mata atlântica com árvores como Jequitibás, Canelas, Cedros, Jatobás, Ipês, Guapuruvus, Quaresmeiras, Campos Graminosos e de Samambaias, com vegetação de mangues mais próximo do mar.

 

CLIMA: O clima é típico de Mata Atlântica, Tropical úmido, com temperatura mínima de 15°C e máxima de 40° C.

ALTITUDE:
1 metro

POPULAÇÃO:
População Fixa: 57.886 habitantes. População Flutuante: Aproximadamente 231 mil pessoas.

 

As praias de São Sebastião são as mais procuradas e badaladas do Litoral Norte de São Paulo. Aqui você encontra as mais bonitas e descolados praias para curtir, ver e ser visto, praticar o seu esporte preferido. Nas areias da praia sempre é lançado algum modismo, ou seja, aqui é o boom do verão.

 

ENSEADA - A paisagem nos faz sentir dentro de uma imensidão, ela margeia o canal de São Sebastião onde ficam ancorados os gigantescos navios petroleiros. Também abriga muitas marinas nas quais estão boa parte da frota de veleiros que aproveita os fortes ventos, para tornar o canal, uma das principais raias de iatismo do país. O mar de águas escuras e fundo lodoso, favorece o procriação de camarão. Esta praia faz divisa com Caraguatatuba ao norte e com o centro de São Sebastião ao sul pelo Rio Juqueriquerê.
Suas águas rasas permitem que se avance cerca de 100 metros mar a dentro, com água na altura do joelho.

PRAINHA - Com vista para Ilhabela, é uma das atrações para quem procura uma praia mais vazia e próxima ao centro.

CIGARRAS - A 9 Km do centro de São Sebastião pela Rodovia Prestes Maia (SP-055/BR-101 Rio-Santos), Cigarras possui areias grossas e soltas, orla sombreada por árvores da Mata Atlântica e mar de águas mansas, ideal para banhos. Praia residencial, praticamente sem comércio, possui barraquinhas que servem lanches e bebidas. O Iate Clube movimenta o local durante a temporada.

SÃO FRANCISCO - A 6 Km do centro de São Sebastião, no Km 118 da Rodovia Prestes Maia (SP-055/BR-101 Rio-Santos), o Bairro São Francisco é uma pequena vila caiçara, tradicional centro pesqueiro e artesanal (paneleiros, que elaboram utensílios de barro).

A praia de areias finas é inclinada, tranqüila e arborizada, e a enseada abriga inúmeros barcos de pescadores. O Convento Franciscano de Nossa Senhora do Amparo, construído entre os séculos XVII e XVIII, é um dos mais importantes monumentos do Patrimônio Histórico da cidade. No Sítio Histórico da cidade, no antigo bairro de São Francisco, foram encontradas evidências arqueológicas que subsidiaram uma melhor compreensão da evolução social, cultural e econômica da cidade de São Sebastião.

OLARIA - Seguindo mais 1 Km em direção à Caraguatatuba pela Avenida Dr. Manoel Hipólito do Rego, o Portal da Olaria é um bairro residencial pouco freqüentada por turistas

ARRASTÃO - O nome Arrastão vem da pesca de arrasto, praia estreita e próxima a rodovia, com casas Junto da orla.

Esta praia recebe muitos turistas e segundo a Cetesb suas águas estão frequentemente poluídas.Das praias que ficam próximas ao centro, esta é a que tem uma das mais belas paisagens.

PONTAL DA CRUZ - Seguindo mais 1 Km pela mesma avenida em direção à Caraguatatuba, o Pontal da Cruz é um dos bairros mais populosos de São Sebastião, com escolas, hotéis e até um centro comercial, além de marinas e garagens náuticas. Praia larga e plana,
de areias brancas e mar calmo, é pouco utilizada para banho. A lenda sobre a cruz e o abricoeiro sobre os rochedos que separam o Pontal da Cruz da Praia Deserta conta uma trágica história de amor acontecida há muitos anos entre uma moça do Pontal e um rapaz de Ilhabela.

PRAIA DESERTA - Seguindo pela Avenida Dr. Manoel Hipólito do Rego em direção à Caraguatatuba, a Praia Deserta é estreita e pedregosa, praticamente residencial. Em sua orla, com vista para o Canal de São Sebastião e para Ilhabela, um calçadão e uma ciclovia convidam para um passeio ao amanhecer ou ao entardecer.

PORTO GRANDE - A 1 Km do centro de São Sebastião pela Avenida Dr. Manoel Hipólito do Rego, 204 Km de São Paulo, Porto Grande é a praia mais próxima do centro de

São Sebastião. Mesmo estreita, a praia é usada para a prática de vôlei de praia e, mesmocom o mar de fundo lodoso, desagradável para banho, é ponto de encontro dos que gostam de esportes como windsurf e barcos monotipo. já que a Praça da Vela oferece boa infra-estrutura para a prática de regatas. A Avenida Guarda Mór Lobo Viana abriga vários de prestadores de serviço.

PRAIA PRETA - Pequena praia na beira da estrada, selvagem de areia dura, batida e escura, por isso o nome Praia Preta. tem uma bela vista do pequeno arquipélago As Ilhas, Ilha das Couves e Montão de Trigo mais ao longe. Não possui nenhum tipo de estrutura turística, somente um retaurante na estrada.

PRAIA GRANDE - Localizada no Canal de São Sebastião, em frente ao Farol da Laje dos Moleques, a 2 Km do centro de São Sebastião pela Rodovia Prestes Maia (SP-055/BR-101 Rio-Santos), a Praia Grande tem areias brancas, mar calmo com fundo

firme, e é cercada por coqueiros anões. Alguns quiosques estão espalhados pela praia. O Balneário dos Trabalhadores possui infra-estrutura para receber grupos de turistas, excursões e turistas de um dia, com serviços como restaurante, vestiário com ducha, quadras poliesportivas e estacionamento e, portanto, deve ser evitada nos finais de semana da temporada de verão. A praia dispõe, ainda, de Posto de Bombeiros (Grupo de Busca e Salvamento) e de um quiosque da Fundação 18 de Março.

PITANGUEIRAS - Localizadas no Canal de São Sebastião, em frente a Ilhabela, a 3 Km do centro pela Rodovia Prestes Maia (SP-055/BR-101 Rio-Santos), Pitangueiras e Jimbro possuem pequenas e estreitas faixas de areia limitadas por morros cobertos por Mata Atlântica. Uma abordagem via marítima é um belo passeio, já que o acesso por terra passa em meio a propriedades particulares. Ambas as praias, com águas calmas e límpidas, são ótimas para prática do mergulho livre.

SEGREDO E CABELO GORDO - O Centro de Biologia Marinha (CEBIMar-USP) está localizado na entrada sul do Canal de São Sebastião (litoral norte do estado de São Paulo). O seu entorno inclui as praias do Segredo (também conhecida como Praia do Cabelo Gordo de Fora) e do Cabelo Gordo e as pontas do Baleeiro e Jarobá. De barco ou de carro pode-se atingir praias, costões rochosos e ilhotas localizados nas proximidades, tanto do lado continental quanto na Ilha de São Sebastião (município de Ilhabela). O acesso, normalmente vedado ao público, pode ser feito marcando com antecedência visitas de grupos monitorados.

 

BAREQUEÇABA - Com vista para Ilhabela, densamente ocupada por casas de verâneio, com poucas ondas e águas poluídas na alta temporada. Possui boa estrutura turística, fica próxima ao centro de São Sebastião. Por ter areia firme é a sede dos Jogos de Verão organizados pela Prefeitura . Um ótimo passeio para quem gosta de adrenalina são os paredões de Barequeçaba, o maior tem aproximadamente 15 metros e um menor com uns 5 metros. Para se chegar é só dar a volta no canto esquerdo da praia onde tem uma pequena trilha que leva até lá.No canto direito tem um morro bem alto , ideal para a prática do paragliding porque além da altura, também ocorre a formação de correntes de ar quente, as chamadas térmicas.

BRAVA DE GUAECÁ - Escondida na Mata Atlântica a Praia Brava é uma das mais belas praias antes do centro. Suas águas claras são ótimas para o mergulho. Não é boa para a prática de esportes como o surf.

 

GUAECÁ - Guaecá é a última praia com ondas antes do centro, fica de frente para a Ilhabela. É uma praia com pouca estrutura turística por ser basicamente ocupada por condomínios residencias.

TOQUE TOQUE GRANDE - Toque-Toque Grande é um dos últimos lugares que ainda se pesca artesanalmente, antiga vila de pescadores hoje dá lugar a casas de veraneio, suas atrações ficam por conta da antiga capela, do mar calmo e do lindo pôr do sol no verão.É uma ótima praia para quem procura a paz em harmonia com a natureza.

CALHETAS - Pequena praia com um morro semelhante a uma ilha. Não possui estrutura turística. Para se chegar à praia tem que descer um morro a pé porque o acesso de carro só é feito através de uma estrada restrita aos proprietários das casas de um condomínio particular. Pare o carro em uma plataforma ao lado da estrada próxima a entrada do sítio de Calhetas e continue a pé. Quando for a Calhetas não deixe de ir na Cachoeira.

TOQUE TOQUE PEQUENO - A antiga vila de pescadores hoje dá lugar a condomínios de luxo com belas casas e muito verde, suas águas calmas e limpas são propícias para a atividade da pesca artesanal que ainda resiste ao tempo e guarda até hoje algumas casas de pescadores no canto da praia.A praia de Toque Toque Pequeno tem esse nome, por causa da ilha de mesmo nome.

SANTIAGO - Santiago fica muito próxima a rodovia e é pouco explorada em seu potencial turístico, contando apenas com casas de veraneio e um condomínio. Uma bela praia com uma linda vista para as ilhas de Toque-Toque pequeno, Montão de trigo e Alcatrazes bem ao longe. Raramente tem boas ondas para a prática do surf.

PRAIA DO ENGENHO - Nome herdado de um antigo engenho, esta pequenina praia cercada por costões de pedra, tem areia solta e grossa, é também conhecida por grandes casas a beira mar que antigamente tinham essa praia quase como propriedade particular. Hoje tem um condomínio e um hotel com restaurante onde pode-se comer uma boa comida. O acesso a Praia do Engenho é por estrada de terra e pode ser feito pelo sul de Barra do Una ou pela praia da Juréia e terra que começa no início da subida da serra de Maresias.  

MARESIAS - Maresias é uma das praias mais badaladas do País, lá estão as melhores casas noturnas e bares, que fazem o agito e fama desta praia do Litoral de São sebastião. Além de ótimas ondas para a prática o Surf e do Bodyboarding. Também é conhecida pelas casas e condomínios chiques à beira mar. Maresias conta ainda com uma grande estrutura turística, como pousadas, hotéis, campings, restaurantes,Posto de Saúde e um Posto da Polícia Militar.

PAÚBA - Pequena e muito bonita , com coqueiros completando sua paisagem maravilhosa. Frequentada por veranistas e surfistas mais audaciosos que enfrentam suas ondas fortes e perigosas porém pouco constantes. Paúba é uma das poucas
praias que ainda guarda casas caiçaras próximas à praia, por ser distante 1,5 km da estrada, Paúba é uma praia um pouco mais preservada.

Pequena e de areias claras. No canto esquerdo tem um rio de águas rasas que desemboca no mar. É também onde os pescadores saem com suas canôas. Nos Feriados, Paúba tem uma grande movimentação de turistas e a praia fica lotada, mas em finais de semana normais, Paúba é pura paz. As ondas são fortes do tipo quebra côco quebrando muito no raso, um paraíso para os Bodyboarders,mas para o surf é melhor em dias de ressaca quando as ondas ficam maiores.

PRAIA BRAVA - A Praia Brava não possui nenhuma estrutura turística e acampar é proibido, por causa do lixo que é deixado por pessoas que não sabem conviver em harmonia com a natureza, sem deixar suas marcas. É impressionante como algumas pessoas usam uma praia, desfrutam de toda sua beleza e depois deixam o lixo jogado. Realmente não há uma explicação para isso. O que vai acabar acontecendo é a proibição de acesso a praia que vai prejudicar quem ama e cuida da praia. Brava de Boiçucanga, assim que é chamada pelos surfistas e aventureiros que freqüentam esta pequena praia com ondas fortes e perigosas, fica entre Boiçucanga e Maresias e a 29km do Centro de São Sebastião é uma praia de difícil acesso por trilha de moto, jipe ou a pé, que leva aproximadamente uns 45min. Existem duas trilhas que dão acesso á praia Brava .A primeira é a trilha do oleoduto próxima a ponte de Boiçucanga , a segunda é uma estrada

BOIÇUCANGA - Boiçucanga é uma das praias mais desenvolvidas do litoral, conta com agência bancária, imobiliárias, correio, padarias, oficinas mecânicas, diversas lojas, hotéis, pousadas, campings, ótimos restaurantes, bares e casas noturnas No verão tem um dos mais belos crepúsculos do litoral, o sol se põe no mar tingindo o horizonte. O nome Boiçucanga é de origem Indígena Boi, que significa Cobra + Açu, que significa grande + Canga, que significa cabeça. A cobra de cabeça grande seria a serra que separa Boiçucanga do restante do município.Indo a Boiçucanga não deixe de conhecer a cachoeira do Ribeirão do Itú que fica no sertão. Com areia grossa e solta, essa praia de tombo tem fortes ondas que quebram muito próximas à praia.

CAMBURIZINHO - Camburizinho é pequena e muito bonita, separada de Camburi pelo rio e pelas pedras que formam uma espécie de ilha. Diferente de Camburi, Camburizinho não é frequentada por jovens mais sim por banhistas e pessoas que procuram o descanso em suas areias e condomínios a beira mar. A estrutura turística é a mesma de Camburi pois são muito próximas uma da outra.

CAMBURI - Camburi é frequentada em sua maioria por jovens e surfistas. Em suas areias se contrastam as belezas criadas pela natureza e por lindas mulheres que completam sua paisagem. Camburi tem muitas casas de veraneio e boa estrutura turística, conta com hotéis, pousadas e campings.A badalação em Camburi fica por conta dos bares e boates que lotam nos finais de semana Quando visitar Camburi não deixe de conhecer os sertões

que reservam uma beleza natural muito rica com belas matas e cachoeiras.

BALEIA - Praia de veraneio larga e extensa. Seu nome é Baleia porque tem uma vista da Ilha dos Gatos que lembra o formato de uma baleia. Não possui uma boa estrutura para o turismo porque a ocupação se dá em sua maioria belos condomínios residenciais particulares. Tem boas ondas para a prática do surf e o acesso à praia pode ser feito pela entrada de Barra do Sahy ou pelo morro do canto direito de Camburi.

BANANA'S POINT - Não é propriamente uma praia, é uma baía semelhante a uma praia mas não tem areia, em dias de ressaca quebram boas ondas para a prática do surf. O Banana's Point é aconselhado somente para surfistas mais experientes por ser fundo de pedra..Fica na estrada Rio Santos Próximo a Barra do Sahy e tem uma linda vista para As Ilhas e a Ilha das Couves.

BARRA DO SAHY
Barra do Sahy, pequena mas muito bonita, esta praia é ocupada em geral por condomínios e casas de veraneio. Vale a pena fazer um passeio a Barra do Sahy e conhecer o canto direito, onde tem uma pedra para saltar, mas esse passeio só pode ser feito nos dias em que o mar está calmo. Em dias de ressaca a Barra do Sahy tem boas ondas para praticar o surf, mas não abuse porque lá as ondas são perigosas do tipo quebra-coco.

JUQUEHY - Por causa da distância de São Sebastião, é uma das mais desenvolvidas, tem seu próprio comércio e conta com uma ótima infra-estrutura turística. Praia Larga e extensa boa para a prática de esportes ou simplesmente para ficar apreciando o lindo pôr do sol. Em dias de Mar de ressaca tem boas ondas para a Prática do Surf.

BARRA DO UNA - Praia longa, de tombo, águas escuras por causa do Rio Una ao norte. É a única praia do sul de São Sebastião com estrutura náutica, conta com várias marinas e um Iate Clube. Também possui ótima estrutura turística, restaurantes, mercados, pousadas, hotéis e casas para alugar. De Barra do Una podem-se fazer passeios às ilhas ou mesmo navegar mata a dentro no Rio Una. Em dias de ressaca formam-se ótimas ondas para o surf no canto esquerdo.

JURÉIA - Uma das últimas a sofrer com o desmatamento e a exploração comercial. A pequena Juréia com extensos costões de pedra que a separam das outras praias. Tem areia grossa com pequenas conchas, quase não possui estrutura turística contando apenas com uma pousada. Ainda resta muito da Mata Atlântica. Destruída em partes para construção de condomínios, a mata está renascendo em ruas que foram terraplenadas e abandonadas. A praia da Juréia tem boas ondas para à prática do Surf e é uma boa opção para tomar um sol acompanhado de uma água de coco bem gelada.

BORACÉIA - Faz divisa com o município de Bertioga ao sul cortada pelo Rio Guaratuba . Praia, de areia batida e escura com aproximadamente 9 Km de extensão, é margeada pela Rodovia Rio-Santos. Possui boa estrutura turística, conta com pequeno comércio, restaurantes, banco 24 horas, hospedagem e camping. A praia de Boracéia é boa para a prática de esportes de areia como futebol, volei e frescobol.

Existe uma reserva Indígena as margens do Rio Silveiras habitada por índios Guaranis. Não é permitida a entrada na aldeia sem autorização da Funai. Mas pode-se ver os Índios vendendo artesanato na estrada. Em julho anualmente ocorre a tradicional festa da Tainha, onde é realizada a pesca do arrastão.